in

Rémy Cointreau procura CEO

A CEO da Rémy Cointreau, Valérie Chapoulaud-Floquet, anunciou que irá deixar o cargo ainda este ano, alegando motivos pessoais.

A gestora confirmou em comunicado que abandonará a multinacional francesa de bebidas espirituosas no final do ano, “uma vez que tenha passado o testemunho” ao seu sucessor. Desta forma, Valérie Chapoulaud-Floquet, de 57 anos, continuará a exercer as suas funções até à nomeação de um substituto.

A gestora chegou à direção de Rémy Cointreau em meados de 2014, após mais de 20 anos no Grupo L’Oréal. Em 2008,  integrou o grupo de luxo Louis Vuitton (LVMH), onde assumiu o cargo de presidente e CEO na região das Américas, antes de ingressar para Rémy Cointreau.

Aldi dá um passo na unificação das subsidiárias Nord e Süd

Volume de vendas no comércio a retalho desce 0,3% na zona euro