in

Walmart e Rakuten, a nova aliança global que faz frente à Amazon

Os grandes grupos de distribuição continuam a procurar novas alianças internacionais para lidar com a expansão da Amazon. a gigante norte-americano Walmart e a multinacional japonesa Rakuten foram as últimas a unir forças para enfrentar a empresa de Jeff Bezos.

Especificamente, ambos os grupos assinaram um acordo estratégico que inclui a criação de um serviço de vendas online de alimentos e entrega ao domicílio no Japão e uma aliança para vender livros eletrónicos e audiolivros nos Estados Unidos da América.

Assim, a Rakuten e a Seiyu GK, a subsidiária japonesa da Walmart, combinarão a sua experiência em comércio eletrónico e sortido alimentar para criar uma nova empresa, a Rakuten Seiyu Netsuper, para desenvolver o serviço de distribuição de alimentos no país asiático. Esta empresa deverá começar a operar no terceiro trimestre.

Nos Estados Unidos, por sua vez, a Walmart quer tornar-se forte num dos negócios mais características da Amazon, a venda de “e-books”. Para isso, vai ser o parceiro de retalho exclusivo da Rakuten Kobo, a subsidiária norte-americana de livros eletrónicos da Rakuten, que possui um catálogo de quase seis milhões de títulos. Através desta aliança, esta poderá expandir o seu catálogo e até oferecer produtos em lojas físicas. O início deste serviço está previsto para o final do ano, como foi confirmado por ambas as entidades numa declaração conjunta.

Estamos constantemente a explorar novos caminhos para tornar cada dia mais fácil para os nossos clientes, oferecendo-lhes ótimas experiências em lojas físicas, online, via mobile, não importa como desejem comprar“, assegura o presidente e CEO da Walmart, Doug McMillon, que quer que a empresa deixe a sua “pegada” no Japão e expandir a sua oferta de livros eletrónicos e audiolivros nos Estados Unidos.

Por seu lado, o presidente e CEO da Rakuten, Hiroshi Mikitani, explica que “como líderes globais do comércio eletrónico e das vendas tradicionais, a Rakuten e a Walmart estão numa posição única para fortalecer os seus clientes“, com foco na criação de serviços “inovadores” com preços baixos.

Publicidade

Acordo histórico entre o El Corte Inglés e a banca

Alertas de segurança alimentar na União Europeia aumentam em 2017