pós-confinamento
in ,

Grandes eletrodomésticos e IT são as categorias que recuperam mais no pós-confinamento

Os dados apresentados pela GfK revelam que as categorias de bens de consumo tecnológico que mais cresceram no pós-confinamento foram a dos grandes eletrodomésticos, seguida da categoria de pequenos domésticos e IT, beneficiando do facto das pessoas passarem mais tempo em casa.

Telecomunicações e fotografia são as categorias que, durante os meses de julho a setembro, registaram uma quebra de vendas. A categoria das telecomunicações, nomeadamente os smartphones, que têm sido particularmente afetados com a pandemia, registou uma pequena recuperação nestes meses, mas permanece ainda com um crescimento negativo.

As televisões e as colunas de som foram dos produtos que tiveram um maior crescimento no terceiro trimestre, resultado também do confinamento que obrigou o consumidor a passar mais tempo em casa e a arranjar formas de entretenimento.

O período de análise coincide com o pós-confinamento em Portugal, mais concretamente os meses de verão, onde o consumo no online continuou a registar valores muito positivos, com um crescimento muito acima da média (78% face ao trimestre anterior).

Coviran

Coviran lança campanha de TV centrada na amizade e proximidade aos seus clientes

A Vaca que ri

A Vaca que ri junta-se à Too Good To Go