in

Deloitte: vendas da época natalícia devem crescer de 7% a 9%

Foto Shutterstock

As vendas no retalho norte-americano durante a época natalícia deverão aumentar entre 7% e 9%, de acordo com a previsão anual da Deloitte. A consultora acredita que as vendas de fim de ano poderão chegar a 1,3 biliões de dólares, durante o período de novembro a janeiro.

Antecipamos fortes gastos do consumidor nas próximas festas de fim de ano. À medida que as taxas de vacinação aumentam e os consumidores se sentem mais confortáveis ​​fora de casa, provavelmente, veremos um aumento nos gastos com serviços, incluindo restaurantes e viagens, enquanto os gastos com bens continuarão estáveis. Um declínio constante na taxa de poupança para níveis pré-pandémicos apoiará os gastos do consumidor e manterá as vendas no retalho elevadas nesta temporada”, disse Daniel Bachman, analista económico da Deloitte nos EUA.

As vendas da época natalícia do ano passado foram acima do esperado, crescendo 5,8%.

Embora as preocupações dos consumidores com a saúde e segurança tenham diminuído desde a última época festiva, os comportamentos de compra influenciados pela pandemia continuam a ganhar força. Os retalhistas que permanecerem resilientes às mudanças de comportamento do consumidor e oferecerem opções convenientes para compras online e na loja, bem como atendimento de pedidos, estarão preparados para crescer nesta temporada e no novo ano”.

 

Comércio eletrónico

A Deloitte também prevê que as vendas de comércio eletrónico vão crescer entre 11% e 15%,   o que resultará em vendas o que poderão atingir 218 mil milhões de dólares.

As vendas de comércio eletrónico continuarão a crescer à medida que os consumidores demonstram um movimento contínuo e constante em direção à compra online em todas as categorias”, refere Daniel Bachman.

Publicidade

Alpro

Danone amplia capacidade de produção da Alpro em França

Sustentabilidade

Nestlé revela planos para apoiar transição para sistema alimentar regenerativo