in ,

Snapchat oferece a influencers a possibilidade de vender

O comércio social é o próximo passo natural para o Snapchat. Tal como informa o Ecommerce News, a plataforma já testou esta linha de negócio em fevereiro, ao oferecer um lançamento adiantado de uma nova versão da Nike Air Jordan que esgotou em 23 minutos. Desde então, o Snapchat agregou diversas funções de comércio eletrónico à sua secção Discover, como óculos comerciais de realidade aumentada.

Agora, o Snapchat estreia-se com uma função de comércio nativa para permitir que pessoas influentes ganhem dinheiro vendendo produtos através das suas publicações. A estrela de reality show Kylie Jenner uniu-se ao programa e postou um vídeo promovendo uma paleta de maquilhagem.

Isto acontece porque o comércio social está a lutar para obter tração geral, isto apesar de ter representado apenas 2% das receitas em 2016 e 34% dos compradores nunca terem comprado nada nas redes sociais em finais de 2017. No entanto, o potencial de mercado pode crescer à medida que as redes sociais adicionam mais recursos de transação e os consumidores se sentem mais confortáveis a comprar itens por estes meios.

Publicidade

Lidl retira do seu sortido produtos de plástico descartável

Estudo da OCDE e da FAO prevê uma desaceleração na demanda por alimentos