in

OMC prevê maior debilidade do comércio mundial no 1.º trimestre

Foto Shutterstock

O crescimento do comércio mundial de mercadorias deverá manter-se débil no arranque de 2020, segundo o barómetro da Organização Mundial de Comércio (OMC).

Atualmente, a medição em tempo real das tendências de comércio é de 95,5, valor inferior aos 96,6 registados em novembro e muito abaixo do valor de referência do índice, que é de 100.

As estatísticas da OMC mostram que o volume do comércio mundial de mercadorias diminuiu 0,2% no terceiro trimestre de 2019, em comparação com o período homólogo do ano anterior. No primeiro trimestre deste ano, este volume tornou a cair, embora os dados oficiais só sejam conhecidos em junho.

A queda no barómetro desde novembro foi impulsionada pelas reduções adicionais nos índices de envio de contentores (94,8) e de matérias-primas agrícolas (90,9), assim como pela estabilização do índice de produtos automotrizes (100). Os índices dos pedidos de exportação (98,5), do frete aéreo (94,6) e dos componentes eletrónicos (92,8) estão todos abaixo do valor de referência, embora tenham estabilizado e se espere uma melhoria nos próximos meses.

Contudo, cada componente do barómetro do comércio de bens estará influenciado pelo impacto económico do surto do coronavírus e da eficácia dos esforços para o tratar e conter.

Publicidade

Publicidade

Efeito Greta Thunberg chega ao consumo

Cristina Maia assume o cargo de Head of Marketing da Makro Portugal