in

Gastos online deverão crescer 20% a nível mundial

Foto Shutterstock

Este ano, os consumidores deverão gastar online, a nível global, mais 20% do que fizeram em 2020, revela um estudo da Adobe, que alerta para uma eventual pressão adicional nas cadeias de abastecimento, de modo a responder à crescente procura.

Impulsionadas pela procura nos Estados Unidos da América, na China e no Reino Unido, as vendas online deverão elevar-se, este ano, para os 4,2 biliões de dólares (foram 3,5 biliões de dólares em 2020).

Mesmo com a progressiva reabertura das lojas, os dados da Adobe indicam que, após mais de um ano de períodos de confinamento, os consumidores habituaram-se a comprar o que necessitam através da Internet. Nos Estados Unidos, por exemplo, no primeiro trimestre, o e-commerce cresceu 39%, para os 200 mil milhões de dólares.

Publicidade

Coffee Break

Coffee Break é a nova cerveja artesanal onde o café é protagonista

Coca-Cola

Esther Morillas assume a direção da marca Coca-Cola para toda Europa