in ,

Vendas da PepsiCo crescem 6,8%

Foto David Kasza/Shutterstock

As vendas da PepsiCo atingiram os 12.375 milhões de euros, no seu primeiro trimestre fiscal, encerrado em meados de março, mais 6,8% em comparação com o mesmo período de 2020. O lucro líquido disparou 28%, para os 1.431 milhões de euros.

As vendas de snacks na América do Norte totalizaram os 3.537 milhões de euros, mais 4% que em 2020, e as de bebidas cresceram 4,9%, para os 4.237 milhões de euros. as filial Quaker Foods, especializada em cereais, evoluiu 1,9%, para os 539 milhões de euros.

No caso da Europa, as vendas caíram 2,4%, para os 1.499 milhões de euros, enquanto na América Latina encolheram 5,2%, para os 1.037 milhões de euros. Na região da Ásia-Pacífico, Austrália e Nova Zelândia, a faturação aumentou 70%, para os 788 milhões de euros, ao mesmo tempo que em África, Próximo Oriente e sudeste asiático melhorou 39,9%, para os 737 milhões de euros.

 

Execução sólida

Estamos satisfeitos com os nossos resultados do primeiro trimestre, já que temos ultrapassado com sucesso importantes desafios relacionados com a difícil comparação face ao ano passado, as recuperações desiguais em muitos dos nossos mercados internacionais e os problemas relacionados com o clima nos Estados Unidos da América”, comenta Ramón Laguarta, presidente e CEO da PepsiCo. “Os nossos resultados são indicativos da força e da resistência de colaboradores altamente dedicados, um portfólio diversificado, uma cadeia de abastecimento ágil e uma execução sólida dos sistemas de comercialização. Atendendo a estes resultados do primeiro trimestre, temos uma maior confiança no cumprimento das nossas previsões financeiras para o conjunto do ano”.

Publicidade

compras online

Compras online crescem em todas as faixas etárias

Amazon Aplenty

Amazon lança uma nova marca própria alimentar