Phenix Frederico Venâncio
Frederico Venâncio
in

Phenix aumenta investimento contra o desperdício em Portugal

Novo diretor geral

A Phenix reforçou a sua equipa em Portugal, com a contratação de Frederico Venâncio para diretor geral.

Com uma vasta experiência na área do desenvolvimento, e-commerce e sector de mobilidade, Frederico Venâncio desenvolveu a sua carreira em diferentes startups, com cargos de responsabilidade no lançamento e desenvolvimento de empresas internacionais por toda a Península Ibérica.

O atual diretor geral da Phenix Portugal, trabalhou com empresas como Odisseias e Groupon e liderou a equipa Cabify no momento de implementação do projeto em Portugal, nas quatro cidades mais importantes do país, como diretor de operações. Assumindo mais um desafio no sector da mobilidade, liderou a Voi no momento de expansão do projeto em Portugal e Espanha. Como diretor geral, lançou as operações da Voi em dois países e implementou scooters elétricas em mais de 10 cidades.

A nova contratação da Phenix Portugal é encarada com grande motivação. Thomas Barthuel, diretor geral das operações B2C e de expansão internacional, sente-se entusiasmado com a chegada do novo diretor à equipa de Portugal, porque “mais do que nunca, demonstra-nos como o talento e as competências pessoais nos levam mais longe e permitem construir um futuro mais sustentável para todos nós”.

Até ao final do ano de 2021, a Phenix pretende aumentar significativamente o seu investimento no reforço dos seus serviços.

 

Trabalho em Portugal

O balanço de 2020 é positivo. Através dos seus dois principais serviços – aplicação e doações –, a Phenix conseguiu evitar a emissão de 875 toneladas de C02 nos primeiros seis meses do ano.

O serviço doações Phenix ajuda no combate ao desperdício nas grandes superfícies, desde alimentar e não alimentar. Estabelecendo parcerias com instituições de caridade, serviços de apoio animal e serviços de ação social, o serviço doações organiza os excedentes dos supermercados para que todos os parceiros possam recolher e reaproveitar alimentos que, de outra forma, seriam lixo. Só com este serviço, mais de 300 instituições foram apoiadas nos primeiros seis meses do ano em todo o país.

Desde outubro de 2019, a Phenix reforçou a ação de combate ao desperdício, com foco no envolvimento da comunidade nesta missão, através do lançamento da sua aplicação. Neste momento, a aplicação conta com mais de 300 parceiros na zona do Porto e Lisboa, com foco num crescimento contínuo a nível nacional.

 

Aplicação

A aplicação Phenix, que tem uma previsão de mais de 100 mil utilizadores portugueses até ao final do ano de 2020, pretende ajudar os pequenos negócios no combate ao desperdício alimentar, permitindo a venda dos seus excedentes através da aplicação, a um preço mais baixo.

O utilizador, após o download da aplicação, deve escolher a sua pastelaria, restaurante, frutaria ou florista preferida e levantar o cabaz no local.

A Phenix pretende implementar melhorias na aplicação até ao início do próximo ano.

Além do seu foco inicial, em ajudar pequenos negócios, a empresa quer, a longo prazo, alcançar mais cidades do país e negócios de maior dimensão, para que todos possam ajudar no combate ao desperdício alimentar.

Todo o trabalho da Phenix já conseguiu salvar mais de 1,2 milhões de refeições, mais de 600 toneladas de alimentos, com previsão de ultrapassar um milhão e meio de refeições salvas até ao final do ano.

automóvel

Mercado automóvel regista queda de 38,4%

kicks

KICKS recusa realizar Black Friday nas lojas físicas