in

Abraços e beijos desaparecem da publicidade

Foto Shutterstock

A marca de chocolates Hershey’s decidiu suspender a exibição de anúncios onde aparecem abraços ou apertos de mão, numa altura em que se advoga o distanciamento social para conter a propagação da Covid-19. Em contrapartida, está a apostar em anúncios mais centrados nos seus produtos.

Infelizmente, decidimos substituir temporariamente dois dos nossos anúncios que apresentam interação humana, que inclui abraços e apertos de mão, devido à atual sensibilidade em torno do vírus Covid-19”, explica Jill Baskin, Chief Marketing Officer da Hershey Co.

Um estudo da Morning Consult vem validar a decisão da Hershey’s, ao indicar que a visualização de imagens de contacto físico entre as pessoas pode causar angústia nos consumidores. 57% dos adultos inquiridos concordam que um anúncio com apertos de mão não é apropriado no atual contexto, visão partilhada para os abraços (55%) e beijos (53%). Em contrapartida, 70% considera apropriados os anúncios que promovem o distanciamento social e 68% aqueles que mostram pessoas a falar por vídeochamada.

A Morning Consult adianta ainda que a maioria dos inquiridos que desaprova os anúncios com contacto físico tem menos probabilidade de comprar produtos ou serviços dessas marcas.

Publicidade

Limitações à circulação na Páscoa podem levar a constrangimentos no abastecimento das lojas

Consumo de TV em Portugal cresce 32%