rui-correia-vinhos
in

Rui Correia deixa a direção de marketing e vendas da Globalwines

A Globalwines e o até agora diretor de marketing e vendas, Rui Correia, acordaram encerrar com efeito imediato a ligação que se iniciou em 2015, onde este profissional, vindo da Adega Mayor do Grupo Nabeiro, chegou para assumir a referida função.

Neste período, “a empresa cresceu a um ritmo acelerado e a taxas acima da média do mercado, tendo conseguido os melhores anos de sempre em faturação total, mas também os melhores anos de sempre em vendas da marca Cabriz, com a exportação a assumir um papel fundamental neste crescimento, reforçando a liderança da marca na região do Dão”, pode ler-se no comunicado.

 

Mudanças de imagem

Rui Correia começou por estar envolvido na mudança de imagem de Cabriz, na redefinição do portfólio e assinatura da marca, bem como na sua abertura a outros públicos, com a presença regular em festivais de verão.

Também neste período foram levadas a cabo mudanças de imagem na insígnia Casa de Santar, a criação do conceito Grande Júri no Vinha do Contador do Paço dos Cunhas de Santar, na Quinta do Encontro e no Monte da Cal, que resultaram na criação de uma gama de vinhos premium sob a marca Saturno, que pode ser encontrada atualmente no mercado.

“Agradeço a todas as pessoas da Globalwines que me acolheram e, em particular, à equipa de marketing e vendas, que sempre se entregou totalmente e sem a qual os resultados alcançados nunca teriam sido possíveis”, sublinha Rui Correia, deixando ainda um agradecimento à administração da empresa, “que permitiu que se fizesse diferente para se fazer mais e melhor”.

 

Percurso

Com mais de 20 anos de experiência no sector, Rui Correia iniciou a sua carreira na Vinalda, tendo passado, depois, por várias empresas, das quais se destacam a Unicer, hoje Super Bock Group, a UVA distribuição e a Adega Mayor, até chegar à GlobalWines. Vai agora dedicar-se a um pequeno período sabático, para depois se dedicar a um novo desafio profissional.

Black Friday

Black Friday 8% mais cara

ASAE

ASAE fiscaliza géneros alimentícios com DOP/IGP