Cabriz lança movimento de apoio à restauração nas redes sociais

Cabriz Eu Apoio a Restauração

Após ter apoiado o canal Horeca com a oferta de milhares de garrafas de vinho Cabriz, na primeira vaga da pandemia, a marca do Dão vai agora liderar um movimento solidário de apoio à restauração, numa altura em que este sector volta a passar por dificuldades.

Recorrendo às suas redes sociais, e numa altura de fortes restrições à circulação de pessoas, a marca Cabriz pretende ampliar a voz dos estabelecimentos de restauração que continuam a laborar, procurando, assim, promover junto de mais portugueses os serviços oferecidos pelos referidos espaços.

 

Movimento

Direcionado para restaurantes, público em geral, parceiros da marca do Dão e outras marcas do sector dos vinhos, o movimento procura alavancar a exposição e alcance dos restaurantes nas redes sociais de Cabriz, que conta com milhares de seguidores, bem como a divulgação de serviços como o take-away, apresentação de menus do dia ou apresentação de pratos especiais, entre outros aspetos.

Para isso, os responsáveis pelas redes sociais dos restaurantes aderentes só terão de identificar a marca (@cabrizwines) nas suas publicações. Estas serão posteriormente republicadas nas redes sociais de Cabriz (Facebook e Instagram). Esta é uma ação transversal a todos os espaços de restauração de Portugal continental e ilhas.

O mesmo pode ser feito pelos consumidores a quem a marca convida a partilhar o movimento “Eu Apoio a Restauração” e a identificar o(s) restaurante(s) que entenderem de forma a dar voz, espaço e visibilidade a esses espaços, recorrendo ao mesmo procedimento. “Estamos a lançar esta campanha de forma genuína e gratuita, apoiando um sector que é fulcral para nós e que, durante décadas, ajudou a fazer de Cabriz a marca que é hoje”, refere a direção de marketing do produto, sediado em Carregal do Sal. “Esta é uma forma de retribuir todo o apoio que nos foi dado, ajudando a que as pessoas continuem a frequentar os restaurantes, mas cumprindo com todas as regras que estão em vigor neste período de crise pandémica”.

A marca vai ainda desafiar outros produtores do sector dos vinhos em Portugal a juntarem-se ao movimento, de forma a que seja possível criar uma cadeia solidária de larga escala.

Portugal Sou Eu

Portugal Sou Eu organiza ciclo de webinars “Produzir e criar valor em Portugal”

e-commerce

Metade dos retalhistas duplicou as vendas online em contexto de pandemia