in

Portugal Sou Eu associa-se ao Web Summit 2017 através da oferta de produtos

Numa ação de promoção junto de “opinion makers” internacionais, o programa Portugal Sou Eu associou-se ao Web Summit 2017 que decorre, em Lisboa, entre 6 e 9 de novembro, marcando presença com a oferta de produtos portugueses que serão degustados pelos mais de 1.500 jornalistas internacionais que terão acesso restrito ao Media Lounge.

Durante os quatro dias do evento, 10 empresas portuguesas aderentes ao Portugal Sou Eu disponibilizam cerca de uma tonelada de produtos alimentares, designadamente azeite, vinho e batata frita, bem como queijos, enchidos, compotas e pastelaria variada.

Todos os produtos estão identificados com um selo que lhes é atribuído pelas associações empresariais pelas quais aderiram ao programa, com base em critérios de incorporação nacional, marcas e patentes, emprego nacional e valor acrescentado para o país.

Cerca de 85% dos produtos aderentes apresentam uma incorporação nacional superior a 70% e são identificados pelo consumidor através do selo colocado nas embalagens, sendo este ligeiramente diferente consoante o produto seja comercializado no mercado interno ou nos mercados externos.

As marcas/empresas aderentes são a Cooperativa Agrícola dos Olivicultores de Murça, Sanzé (Cachola & Muacho), Sabores do Vez/Minhofumeiro, Doce da Bina, Sabores da Serra, Universal, Queijo de Azeitão (Queijaria Portinho), Queijaria Ribeira de Alpreade, Casa Cadaval Padre Pedro Branco, Casa Cadaval Padre Pedro Tinto, Vidigueira Antão Vaz/Cooperativa Agrícola da Vidigueira, Vidigueira Tinto/Cooperativa Agrícola da Vidigueira e Pastelaria Fidalgos.

Publicidade

Nikka alarga a sua gama Coffey com gin e vodka

Lidl coloca séria ameaça aos retalhistas norte-americanos