in

Pandemia de Covid-19 com impacto positivo na indústria de snacks e pastelaria

Foto Shutterstock

A pandemia de Covid-19 teve um forte impacto na indústria de snacks e pastelaria, que se estima ter encerrado o ano de 2020 com vendas no retalho, a nível mundial, acima dos 400 mil milhões de dólares.

De acordo com os dados da Finaria, grande parte das receitas teve origem nas 25 principais empresas do sector.

Concretamente, com 101.500 milhões de dólares, a Nestlé figura como a principal empresa, seguida pela PepsiCo, com 67.200 milhões de dólares, e pela Mars, com 35 mil milhões de dólares.

A Ferrero entra para a lista na nona posição, com 12.600 milhões de dólares, graças às bolachas Keebler e à Nutella.

Publicidade

DS Smith

DS Smith instala nova impressora digital Single-Pass

Sustentabilidade

Consumidores impulsionam empresas à neutralidade carbónica na cadeia de abastecimento