in , ,

Mastercard e SumUp dão novo impulso aos pequenos lojistas

A Mastercard e a SumUp anunciaram uma nova parceria com o objetivo de aumentarem o número de locais com aceitação de pagamentos eletrónicos nos 27 países europeus.

Ao longo dos próximos cinco anos, a Mastercard e a SumUp vão levar a aceitação de cartões de pagamento a alguns milhões de micro, pequenas e médias empresas em toda a Europa, incluindo em Portugal.

Esta parceria vai permitir, sobretudo às micro e pequenas empresas, que, através dos leitores de cartões e dispositivos digitais da SumUp, possam passar a aceitar pagamentos eletrónicos, incluindo através de smartphones, relógios ou pulseiras digitais. “Esta é uma importante parceria que fazemos com a SumUp, uma empresa inovadora e um ‘player’ líder no fornecimento de sistemas de pagamento para as pequenas empresas. A escala e a amplitude desta parceria vão, com certeza, fazer avançar para um novo nível a aceitação de pagamentos eletrónicos em Portugal e na Europa. As PME são a espinha dorsal da economia europeia e esta iniciativa vai permitir-lhes servir melhor os seus clientes, oferecendo-lhes uma verdadeira escolha em termos de meios de pagamento. Esta é, sem dúvida, uma parceria para repetir no futuro”, afirma Jason Lane, vice-presidente executivo da Mastercard para o Desenvolvimento do Mercado Europeu.

Em muitos países europeus, incluindo Portugal, o dinheiro continua a ter um peso significativo nas transações, em particular nas transações de baixo valor feitas em lojas. Além disso, está demonstrado que o dinheiro continua a ser o meio de pagamento menos eficiente e menos seguro. O custo escondido do manuseamento do dinheiro continua a ser elevado, como aliás demonstra o estudo publicado recentemente pelo Banco de Portugal, que revelou que o numerário saiu mais caro aos comerciantes do que os pagamentos com cartão de débito, representando 62% do total dos custos, ao passo que os custos com os pagamentos com cartão de débito foram de apenas 42%. Nestes custos escondidos com o numerário estão o transporte do dinheiro, segurança, trabalho a contá-lo, reconciliação e fraude com notas falsificadas, fatores que deixam claras algumas das desvantagens deste meio de pagamento.

A Mastercard e a SumUp estão comprometidas em apoiar as PME e sobretudo os pequenos comerciantes a ultrapassarem estes desafios e tornar os pagamentos mais seguros, mais fáceis e mais convenientes, através de uma solução simples e eficaz.

A aceitação de pagamentos eletrónicos pode ainda trazer benefícios acrescidos. Por exemplo, está demonstrado que oferecer pagamentos eletrónicos faz aumentar as vendas e tem um impacto direto no lucro. Estudos da SumUp mostram que os pequenos comércios podem crescer até 60% em vendas só por passarem a aceitar pagamentos com cartão e dados da Mastercard indicam que, em média, novos aceitantes de pagamentos com cartões veem as transações médias aumentarem entre 10% a 15%, uma vez que os consumidores não estão limitados ao dinheiro que têm na carteira. Este é, aliás, um dos aspetos relevantes para os proprietários de pequenas lojas, sobretudo em meios rurais, onde o acesso a um ATM ou a dinheiro pode não ser muito fácil. Por outro lado, os pagamentos eletrónicos proporcionam um incremento imediato na tesouraria, uma vez que o pagamento fica automaticamente garantido, eliminando a necessidade de ir atrás de faturas não pagas ou em dívida.

Smurfit Kappa recebe três prémios WorldStar pelas suas soluções de embalagem sustentável

Espumante Pingo Doce Baga Bairrada premiado em concursos internacionais