in

Europastry integra projeto para a redução do açúcar nos produtos alimentares

A Europastry integrou o projeto Sweetfood, que procura estabelecer as bases para a redução da quantidade de açúcar refinado na formulação de alimentos e bebidas, através da utilização de novos edulcorantes de origem natural.

Esta iniciativa, que deverá estar concluída em 2021, pretende o desenvolvimento de novos produtos alimentares que contemplem uma diminuição substancial do conteúdo de açúcar original, sem condicionar as características organoléticas. A inovação tecnológica associada ao projeto permitirá identificar as melhores alternativas em termos de edulcorantes naturais e criar uma formulação específica que se adapte às características e propriedades intrínsecas do alimento ou bebida, determinando os requisitos específicos do edulcorante a utilizar e obtendo uma formulação personalizada para cada aplicação.

A Europastry junta-se, assim, a um consórcio formado por várias empresas e liderado por quatro centros de investigação. A execução do projeto representa um investimento de, aproximadamente, seis milhões de euros.

Publicidade

Publicidade

Comissão Europeia prevê queda na produção de leite

Brasileira Marfrig torna-se na segunda maior empresa de carne de bovino do mundo