in

“É importante que nesta altura as empresas e as marcas estejam focadas em ajudar a sociedade”

Sumol e Telepizza unem-se para ajudar famílias

A Sumol e a Telepizza vão unir-se para ajudar as famílias carenciadas apoiadas pela Legião da Boa Vontade através de uma iniciativa que tem como objetivo doar cabazes de comida a estas famílias. Rodrigo Costa, Marketing Director da Sumol + Compal em Portugal e Espanha, falou com a Grande Consumo no âmbito do lançamento desta iniciativa que tem a duração de um mês. E realça que os consumidores têm um papel importante nesta campanha, uma vez que o valor da sua compra é equivalente à quantidade de cabazes que podem doar. Uma pizza, uma garrafa de 1,5lt da sua bebida favorita e boa vontade é tudo o que precisa para se unir a esta iniciativa.

Grande Consumo – A que se deve a aposta nesta campanha conjunta entre a Sumol e a Telepizza? Quais os seus objetivos quantitativos e qualitativos?

Rodrigo Costa – A campanha pretende dar resposta ao contexto atual, que está a ter um forte impacto em muitas famílias, resultando numa maior procura de ajuda junto de instituições sociais. É por isso importante que todos façamos uma pequena parte que marque alguma diferença na vida das pessoas. O objetivo desta campanha conjunta entre Sumol e a Telepizza é doar 500 cabazes à Legião da Boa Vontade, contribuindo assim para ajudar as famílias que ficaram severamente fragilizadas pelo impacto da pandemia.

GC – Como se irá processar, na prática, esta iniciativa?

RC – Na compra de uma pizza média ou familiar e uma bebida de 1,5L de Sumol ou das marcas Pepsi, Lipton ou 7Up, o consumidor deve ir ao microsite (www.telepizza-sumolcompal.com) desenvolvido para o efeito e fazer o upload do talão de compra. Por cada 10 euros de compra pode doar a mesma quantia num cabaz de comida à Legião da Boa Vontade. O valor da compra é equivalente à quantidade de cabazes que pode doar, sendo que, com o mesmo talão, pode oferecer até 6 cabazes.

GC –  Trata-se de uma iniciativa que estará limitada aos canais físicos da Telepizza ou estender-se-á aos suportes digitais e plataformas de “delivery”?

Sumol

RC – Esta iniciativa está disponível em todos os estabelecimentos Telepizza, suportes digitais e plataformas de delivery.

GC – Qual o papel do consumidor para o sucesso da mesma?

RC – O consumidor fará parte da cadeia de solidariedade e contribuirá para o sucesso desta campanha uma vez que através da sua compra na Telepizza e upload do respetivo talão, permitirá ajudar as famílias apoiadas pela Legião da Boa Vontade. Este talão faz a diferença para estas famílias e não deve ficar no fundo da carteira!

GC – É o momento certo para levar a cabo uma iniciativa desta natureza?

RC – Sim, sem dúvida. A pandemia fragilizou centenas de famílias, colocando-as em situação de vulnerabilidade socioeconómica. Devido ao contexto atual, os pedidos de ajuda aumentaram significativamente e a Legião da Boa Vontade tem desenvolvido um trabalho extraordinário ao garantir a nutrição de todas essas famílias.

GC – Qual será a instituição que irá beneficiar dos resultados da mesma?

RC – A instituição em questão é a Legião da Boa Vontade, que apoia centenas de famílias ao fazer chegar diariamente a quem mais precisa cabazes de alimentos diversos para garantir a nutrição completa dessas famílias.

GC – Enquanto marca líder, é importante para a Sumol desenvolver campanhas de cariz social? A notoriedade da marca beneficia com isso?

RC – Definitivamente. Esta e outras campanhas que têm vindo a ser desenvolvidas surgem no seguimento do compromisso da Sumol em apoiar o Canal Horeca e todos os seus parceiros de perto, criando mecânicas diferentes que envolvam os consumidores. É importante que nesta altura as empresas e as marcas estejam focadas em ajudar a sociedade, e ações como esta, por serem feitas em parceria por duas marcas muito queridas dos Portugueses, devem ser ainda mais valorizadas.

Publicidade

Whole Foods

Whole Foods abre a sua primeira “dark store”

Makro Portugal

Makro Portugal celebra 30 anos