in

Ceconomy quer vender participação na Metro

A Ceconomy quer vender a sua participação na Metro. A dona da Media Markt iniciou conversações com o grupo EP Investment para concretizar este potencial negócio. 

Em comunicado, a empresa diz que não foi tomada qualquer decisão quanto aos termos e condições de venda.

A notícia sucede poucos dias depois do grupo de investimento alemão Haniel ter também concordado vender a sua participação de 7,3% na Metro à EP Investment por um montante não divulgado. O comprador ficou também com a opção de comprar os 15,2% do capital ainda detidos pelo grupo Haniel, o que levará a estrutura acionista da Metro a mudar radicalmente. 

A Ceconomy detém aproximadamente 10% das ações da Metro, mas esta participação tem pesado nos seus resultados operacionais. O preço dos títulos da Metro tem caído, devido à reestrututração no mercado russo, o que tem afetado o grupo de eletrónico de consumo. 

Até há um ano, a Metro e a Ceconomy eram parte do Grupo Metro, quando se separaram e começaram a atuar como empresas separadas. A decisão foi tomada com o objetivo de gerar um crescimento de 3% nos lucros anuais para ambas, mas este potencial ainda não foi alcançado. 

Publicidade

Publicidade

Makro Portugal promove “Semana dos Açores”

Dachser duplica volume de negócios entre a Península Ibérica e a Coreia