in

Vans junta-se à campanha de boicote ao Facebook #StopHateForProfit

Marca posiciona-se contra discursos de ódio e desinformação.

Foto nixki/ Shutterstock

A Vans, marca mundial de calçado e vestuário para desportos de ação, anunciou que aderiu à campanha #StopHateForProfit, retirando todos os investimentos em anúncios no Facebook e Instagram, durante o mês de julho.

A marca compromete-se a alocar esse valor de investimento em publicidade para o apoio às comunidades negras, através de programas de capacitação e educação, expandindo, desta forma, o apoio da marca à igualdade racial e iniciativas de acesso. “Continuamos comprometidos com a nossa responsabilidade de fazer mais na luta contra a desigualdade racial“, afirma Nick Street, vice-presidente mundial de marketing integrado da Vans. “A nossa decisão de participar na campanha #StopHateForProfit demonstra apenas uma das maneiras pelas quais trabalhamos de forma diligente, atenciosa e contínua, para nos tornarmos antirracistas em tudo o que fazemos“.

 

Reinvestimento do custo associado ao vitrinismo

Também durante o mês de julho, a Vans redirecionará o custo associado ao vitrinismo das suas lojas nos Estados Unidos e Canadá, para elevar e capacitar a comunidade negra. “Como uma marca fundada na crença de que somos uma empresa de pessoas, apoiar as nossas comunidades esteve sempre no cerne de tudo o que fazemos“, salienta Carly Gomez, vice-presidente de marketing da Vans. “Em vez de construir novas montras para as nossas lojas nos Estados Unidos e Canadá, usaremos esse dinheiro para apoiar iniciativas que reforcem o movimento Black Lives Matter”.

Publicidade

Cazas Novas

Cazas Novas, vinhos de virar do Avesso

biosurfit

biosurfit em parceria com Jerónimo Martins para testes à Covid-19