Unilever
in ,

Unilever quer fortalecer as vendas online

Embora a crise do coronavírus tenha tido um efeito positivo significativo nas vendas do tipo de produtos vendidos pela Unilever, no geral, o grupo de produtos de limpeza e alimentos registou resultados estáveis ​​em 2020.

Em particular, a Unilever vendeu mais produtos de higiene, como gel para as mãos, e produtos de lavandaria. Já os produtos de beleza, como desodorizantes e maquilhagem, tiveram uma demanda um pouco menor, devido ao convívio social restrito.

A crise também impactou o sector de alimentos. Os gelados Ben & Jerry’s para clientes de retalho tiveram um desempenho muito bom, mas as entregas para a indústria de catering caíram drasticamente. Os substitutos de carne The Vegetarian Butcher atingiram picos de crescimento de 70% nas vendas, durante o quarto trimestre.

 

E-commerce

No ano passado, as vendas totais atingiram 50,7 mil milhões de euros, numa queda de 2,4% devido aos efeitos negativos da taxa de câmbio. O lucro líquido aumentou ligeiramente em 0,8%, para 6,1 mil milhões de euros. Devido aos custos mais elevados, o lucro operacional diminuiu 4,6% em relação a 2019.

Olhando para o futuro, a Unilever espera um forte crescimento na procura por produtos alimentares vegetarianos. A empresa quer, portanto,concentrar-se mais nesta categoria. Além disso, o CEO Alan Jope quer fortalecer a atividade de e-commerce, já que os canais de vendas online respondem, atualmente, por 9% da faturação.

ebay

Aumento acentuado nos lucros da eBay

mercados

Os cinco emergentes mais promissores de 2021