in

Retalho vai ser dramaticamente diferente em 2030

A convergência de canais, a personalização e a constante conectividade irão mudar o sector do retalho nos próximos anos.

Esta é a principal conclusão de um estudo da Synchrony Financial, que analisa as perspetivas do consumidor e as tendências de compra que irão influenciar esta atividade em 2030.

O estudo, intitulado “Future of Retail: Insight and Influences Shaping Retail Innovation”, destaca que a tecnologia irá trazer uma nova era das compras “do-it-yourself”, ao modificar o modo com os “shoppers” acedem, selecionam e pagam. O modelo de retalho self-service, lojas abertas 24 horas por dia, sete dias da semana, onde um sistema “drive-thru”, semelhante ao que já observamos em muitas cadeias de restauração fast-food, assistido por robots, e espelhos interativos serão amplamente disseminados. Cerca de metade dos consumidores inquiridos destacaram os espelhos interativos nos gabinetes de prova como uma das inovações mais entusiasmantes.

As lojas físicas do futuro irão focar-se na disponibilização de experiências de marca genuínas, para reforçar os aspetos da confiança e fidelização. 55% dos inquiridos estão entusiasmados com a mistura de experiências dentro das lojas, como a abertura de cafés, música e a disponibilização de amostras de produtos e serviços complementares.

Os “shoppers” também esperam que os retalhistas façam uso da sua informação pessoal para lhes oferecer melhores produtos e soluções. Desde a radiofrequência nos smartphones e wearables, ao uso da biométrica, através de scanners de impressões digitais ou da palma da mão, os retalhistas irão conhecer realmente bem os clientes, de modo a proporcionar-lhes uma oferta dirigida e individualizada. Os chamados chatbots tornar-se-ão também populares.

O estudo acrescenta ainda que a impressão 3D poderá ser um dos maiores elementos diruptivos, permitindo a produção de artigos personalizados, mais rápida e menos dispendiosa.

A tecnologia irá ainda tornar o “shopper” ainda mais exigente, esperando entrega ou devolução instantâneas. 77% dos consumidores antecipam melhores opções para devolver os produtos que compraram online. A gratificação instantânea será uma parte importante da experiência de compra.

Publicidade

Electrolux apresenta o aspirador UltraSilencer ZEN Green

Quinta da Lixa investe 150 mil de euros em barricas