in

Nestlé compra a Tails.com

A Nestlé Purina comprou uma participação maioritária na Tails.com, um negócio de venda direta ao consumidor de alimentação para cães, baseado na subscrição.

Com o rápido crescimento da nutrição personalizada, assim como dos serviços de subscrição, o investimento da Nestlé Purina neste negócio nativo digital oferece a ambos significativas oportunidades, segundo indica a multinacional suíça em comunicado. “A nutrição animal personalizada, juntamente com os serviços de subscrição de venda direta ao consumidor, está a expandir-se rapidamente e este negócio expressa a nossa aposta em investir em categorias de elevado crescimento e agir ao nível das tendências de consumo. A Tails.com tem um modelo de negócio único e vencedor, que combina com sucesso receitas personalizadas e preços competitivos. A equipa por detrás da Tails.com conseguiu alcançar um forte crescimento e gerar um impressionante envolvimento e fidelização do consumidor. O nosso apoio irá permitir acelerar os seus planos de expansão no Reino Unido e a nível internacional”, afirma Bernard Meunier, CEO da Nestlé Purina PetCare EMENA.

Lançada em 2014, a Tails.com levou a nutrição personalizada ao consumidor a preços competitivos. A empresa foi pioneira na identificação da evolução do modo como os consumidores compram e cuidam dos seus animais de companhia e combinou a tecnologia digital, a inovação alimentar e novas técnicas de produção para oferecer produtos personalizados, de acordo com fatores como a idade, raça, dimensão e nível de atividade do animal. Com base num algoritmo nutricional exclusivo criado por veterinários, nutricionistas e engenheiros informáticos, a Tails.com alimenta mais de 100 mil cães no Reino Unido. Os seus clientes também beneficiam de um serviço de subscrição conveniente, com entrega ao domicílio, e acesso a uma equipa de apoio em nutrição própria.

A Tails.com vai continuar a operar de forma autónoma e gerida pelo seu cofundador e CEO, James Davidson. A atual equipa de gestão e colaboradores continuarão a ser acionistas e a liderar o negócio a partir da sua sede em Richmond, em Londres.

Publicidade

Parmalat lança béchamel isento de glúten

Sector do retalho em apuros se EUA abandonarem o NAFTA