METRO AG compra Grupo Aviludo
in ,

METRO AG compra Grupo Aviludo

A METRO AG assinou o contrato de compra do Grupo Aviludo, empresa portuguesa que atua no sector grossista para hotelaria e restauração e que gerou um volume de negócios de 152 milhões de euros, em 2019, chegando a mais de 13.500 estabelecimentos e empresas.

Através desta aquisição, a METRO AG aumenta o seu portfólio em Portugal, onde já detém a Makro, intensificando a sua estratégia no sector com expansão do negócio de distribuição “foodservice”.

Esta transação ainda está sujeita a aprovação por parte das autoridades relevantes e competentes.

Olaf Koch, CEO da METRO AG, comenta que, “no seguimento da aquisição da Pro à Pro, Rungis Express e Classic Fine Foods, nos últimos anos, vamos agora, através da aquisição da Aviludo, expandir a oferta e serviços para os nossos clientes em Portugal, um mercado que consideramos estratégico. Graças ao forte posicionamento da Aviludo, reforçamos a presença no país e criamos mais valor para os nossos clientes e para os seus negócios, de forma a acelerar também o nosso crescimento”.

Já José Ressurreição, cofundador e CEO da Aviludo, aponta que “com a METRO AG, encontrámos o parceiro ideal para crescer, preservando, ao mesmo tempo, a fórmula de sucesso da Aviludo e os seus melhores ativos, a cultura de trabalho e as pessoas. Em conjunto com a equipa de gestão da Aviludo, estamos satisfeitos com a perspetiva de trabalhar lado a lado com a METRO AG, e em particular com a Makro Portugal, para construir uma oferta ímpar para a hotelaria e restauração nacional”.

 

Grupo Aviludo

Desde a sua fundação, em 1984, o Grupo Aviludo cresceu tornando-se num operador de “foodservice” com expressão a nível nacional e em diversas categorias. Atualmente, emprega cerca de 850 colaboradores, incluindo uma força de vendas composta por cerca de 150 profissionais. Em 2019, atingiu um volume de negócios de 152 milhões de euros.

A Aviludo oferece aos seus clientes uma grande flexibilidade e fiabilidade na entrega de produtos, que vão ao encontro das necessidades individuais dos clientes profissionais, e fá-lo através das suas oito plataformas logísticas, incluindo quatro com capacidade de produção e processamento de carnes, assim como por intermédio de uma frota com mais de 180 veículos.

“Novo Normal, Nova Oportunidade para as Marcas Próprias?” realiza-se a 29 de outubro

Lidl

Lidl reabre em São Brás de Alportel