in

Kranemann Wine Estates lança Quinta do Convento Tinto 2018

Quinta do Convento

A Quinta do Convento é a mais importante marca DOC Douro da Kranemann Wine Estates, assim designada em tributo à propriedade duriense pela qual Christoph Kranemann se apaixonou: a mítica Quinta do Convento de São Pedro das Águias, em pleno Vale do Távora.

Este enófilo de origem alemã estabeleceu aí o seu projeto vitivinícola, lançado em 2018, a tempo de uma primeira vindima. Dessa colheita nasceu o Quinta do Convento Tinto 2018, agora anunciado e lançado no mercado.

Quinta do Convento Tinto 2018

Em 2018, ano que significou a declaração Porto Vintage para a marca Kranemann, identificaram-se também as parcelas de tintos que, pela sua especificidade, em particular, a altitude e a exposição a norte, melhor poderiam potenciar os atributos de frescura e elegância que o terroir do Vale do Távora confere aos seus vinhos de mesa.

Quinta do Convento

Assim nasceu este Quinta do Convento Tinto 2018, de um lote com as castas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca, oriundo de parcelas com uma média de 30 anos de idade. “Procurámos, essencialmente, salvaguardar a identidade que nos oferece o terroir de altitude do Vale do Távora e, em particular, da Quinta do Convento de São Pedro das Águias. Este vinho evidencia a fruta típica do Douro, mostra notas de esteva, mas mantém a acidez que lhe confere uma frescura muito especial. Estagiou nove meses em barricas de segundo ano e o resultado é um vinho muito fresco e elegante, de taninos finos”, explica o enólogo Diogo Lopes. “Quando iniciámos o projeto Kranemann, engarrafámos um primeiro Quinta do Convento, de 2016, integrando um excelente lote de vinhos já existente em adega. Creio, agora, que vamos um pouco mais além, em busca dessa frescura tão emblemática do nosso terroir”, termina Diogo Lopes.

Mahou San Miguel

Mahou San Miguel vende negócio na Índia

consumo

Consumo das famílias recupera 12,1% na zona euro