in

Jerónimo Martins sobe, Sonae desce no ranking dos maiores retalhistas do mundo

Jerónimo Martins e Sonae figuram, uma vez mais, entre as maiores empresas de retalho do mundo, segundo o estudo “Global Powers of Retailing”, elaborado pela consultora Deloitte e pela revista Store, com base nos dados financeiros de 2014.

Concretamente, no ranking deste ano, a Jerónimo Martins galgou três posições, ao passo que a Sonae desceu duas face à classificação do ano passado. A dona do Pingo Doce ocupa agora a 59.ª posição, enquanto a dona do Continente a 157.ª.

O estudo mostra que a Jerónimo Martins tem registado um crescimento assinalável, subindo 26 posições nos últimos cinco anos. A retalhista portuguesa consta também da lista dos 50 operadores com maior crescimento as vendas nos últimos cinco anos, ocupando agora a 50.ª posição. Desde 2009, o grupo tem tido um crescimento médio agregado das receitas de 12,2% ao ano.

Uma vez mais, o ranking global é liderado pela norte-americana Walmart, com uma faturação de 485.651 milhões de dólares em 2014 e um crescimento anual de 3,5%. Seguem-se-lhe as também norte-americanas Costco e Kroger, esta com uma subida de três posições e roubando a medalha de bronze ao Carrefour, o grupo alemão Schwarz, dono do Lidl, e a britânica Tesco. O francês Carrefour, os alemães Aldi e Metro e os norte-americanos The Home Depot e Wallgreen completam o top 10.

A classificação dos operadores de “e-commerce” é liderada pela Amazon, com vendas de 70.080 milhões de dólares em 2014, mais 15% que no exercício anterior, seguida da Apple, JD.com, Walmart e Otto.

Publicidade

Publicidade

Henkel perde o seu presidente para a Adidas

Silvex lança saco que lava, seca e conserva frutas e verduras