in

Rewe quer ser o segundo maior retalhista europeu

Foto Tobias Arhelger/Shutterstock

Lionel Souque, CEO da Rewe, espera que a empresa por si liderada se torne no segundo maior retalhista de base alimentar na Europa, ultrapassando o Carrefour e o Aldi.

No último exercício, a Rewe ultrapassou, pela primeira vez, a marca dos 75 mil milhões de euros em vendas, o que a posiciona mais perto do segundo e terceiro maiores retalhistas da Europa, mas ainda a uma distância considerável do líder, o Grupo Schwarz, dono do Lidl, com vendas acima dos 110 mil milhões de euros.

O crescimento significativo alcançado pela Rewe no ano passado deve-se à compra da empresa grossista Lekkerland, que contribuiu com 12 mil milhões de euros para este desempenho. A Lekkerland está especializada no sector da conveniência e opera em cinco países europeus.

Publicidade

Arcádia

Loja flagship da Arcádia conquista prémio internacional de arquitetura

Mercadona

Mercadona vende 186 milhões no primeiro ano completo em Portugal