in ,

Inteligência artificial permite desenvolver lojas sem funcionários

A empresa Standard Cognition está a desenvolver uma loja que não precisará de funcionários, graças à inteligência artificial. Através desta tecnologia, é possível fazer-se uma contagem exata do que o “shopper” adiciona ao carrinho de compras e depois efetuar o pagamento num tablet antes de sair da loja.

No seguimento da abertura da Amazon Go, em Seattle, e do mais recente caso de Wheelys 247, em Xangai, este novo exemplo em Santa Clara, na Califórnia, é outra indicação de que esta não é uma inovação isolada, mas sim uma tendência emergente que deve ser observada. Na verdade, a Standard Cognition planeia abrir, nos próximos seis meses, uma primeira loja deste tipo nos Estados Unidos da América, seja com um parceiro de distribuição ou de forma independente.

O sistema reconhece perfeitamente quais itens que são removidos das prateleiras, mesmo que não estejam no lugar que lhes corresponde ou estejam escondidos atrás de outros objetos. A inteligência artificial é capaz de reconhecer o tipo e o número de produtos que o utilizador acrescentou à cesta, editando automaticamente a lista de produtos à medida que os escolhe ou os devolve à prateleira, mostrando, no final, no processo de pagamento, o número exato de compras que foram introduzidas em cada cesta.

Veja aqui o vídeo:
<iframe width=”560″ height=”315″ src=”https://www.youtube.com/embed/yeS8TJwBAFs” frameborder=”0″ allowfullscreen></iframe>

Publicidade

Marcas de distribuição voltam a crescer acima das de fabricante em Portugal

Preços do café atingem quatro meses de crescimento em agosto