in

IKEA prepara o maior investimento da sua história

A Ingka Holding, ex-Ikea Group, fará o maior investimento da sua história com a construção de um projeto em Xangai, na China, que envolverá 1.023 milhões de euros, segundo o jornal oficial China Daily.

Este centro operará sob a bandeira Livat, a sua marca de grandes centros comerciais na China, e ocupará uma área de 430 mil metros quadrados. As previsões para a sua inauguração apontam para o ano de 2022.

Além do mobiliário IKEA, o complexo incluirá estabelecimentos com mais de 300 marcas nacionais e internacionais de desporto, educação, entretenimento e alimentação. 60 mil metros quadrados serão dedicados a escritórios.

O projeto irá gerar cerca de três mil empregos, o que tornará o centro no segundo com mais trabalhadores, perdendo apenas para a sede da empresa, na Suécia.

A Ingka Holding reconhece que este projeto representa uma “nova era” para o seu negócio de centros comerciais.

Atualmente, a Livat ministra três projetos na China, nas cidades de Pequim, Wuhan e Wuxi, com um investimento total de mais de 1.278 milhões de euros, e está a construir outros dois, em Xian e Changshá. No total, a IKEA tem 26 lojas naquele mercado asiático, três delas em Xangai.

Publicidade

Publicidade

Aeroportos são o novo objetivo da Amazon Go

Ceconomy testa sistema de self-checkout através de dispositivos móveis