in

Ikaros-Hemera desenvolve primeiro projeto de energia solar do Grupo Jerónimo Martins

O Grupo Jerónimo Martins apostou num projeto piloto de instalação de 3.876 painéis solares em 17.700 metros quadrados da cobertura de dois edifícios no sul do país: no Centro de Distribuição Sul, em Algoz, e na loja do Recheio de Tavira.

A instalação e monitorização destas duas unidades de autoconsumo pertenceu à Ikaros-Hemera, empresa especialista em sistemas solares fotovoltaicos para o mercado empresarial.

O investimento de 1,2 milhões de euros foi realizado em parceria com a G2 ER Solar One, sob o aconselhamento da Grow Energy Management, e estima-se que permita à Jerónimo Martins uma autonomia energética de cerca 34% face aos consumos dos dois edifícios onde foram instaladas estas centrais solares.

A instalação solar fotovoltaica vai evitar emissões anuais de 200 toneladas de CO2. Isto equivale à capacidade de sequestro de carbono de uma floresta com a dimensão de 44 estádios de futebol, à retirada de circulação de 111 viaturas ou ao consumo elétrico de 525 casas.

Duarte Caro de Sousa, diretor geral da Ikaros-Hemera, sublinha a importância das grandes empresas apostarem em projetos solares fotovoltaicos como investimento para o futuro. “Com este projeto, o Grupo Jerónimo Martins investe num dos recursos naturais mais importantes e com mais potencial no nosso país, o sol, e reforça o seu investimento na política de sustentabilidade ambiental.”

Publicidade

JLL Spark lança fundo global de capital de risco no valor de 100 milhões

96% considera que plataformas e experiências de compras online são boas