in

Geração Z prefere produtos sustentáveis

Um novo estudo mostra como a sustentabilidade afeta profundamente os hábitos de compra da Geração Z.

De acordo com a “Pesquisa de Retalho e Sustentabilidade de 2019” da CGS, fornecedora de aplicações de negócios, mais de dois terços dos entrevistados consideram a sustentabilidade ao fazer uma compra e estão dispostos a pagar mais por produtos sustentáveis.

Apesar de ser um grupo relativamente novo, a Geração Z, nascida entre os anos de 1995 e 2010, representa alguns dos compradores mais conscientes, com 68% a ter feito uma compra ecológica no ano passado.

Nos Estados Unidos da América, as empresas estão a implementar processos e produtos mais ecológicos. Por exemplo, a Patagonia desenvolveu o Woolyester, um material que mistura lã, poliéster e nylon para dar uso a aproximadamente 50% de materiais residuais. A razão para esta tendência ecológica está no facto de ser o que os consumidores querem. Quase 70% dos entrevistados pela CGS disseram que a sustentabilidade é, pelo menos, “relativamente importante”  quando fazem uma compra e 47% pagaria mais por um produto sustentável.

De acordo com o estudo, enquanto a Geração Z ainda é uma força económica crescente, está muito mais consciente dos efeitos ambientais das suas decisões de compra do que outras faixas etárias. A pesquisa mostra que a Geração Z classifica os negócios éticos como um dos principais fatores ao comprar, enquanto o público em geral está mais preocupado com o preço e a disponibilidade do produto. Além disso, mais de 50% da Geração Z estaria disposta a pagar mais por um produto sustentável, o que é ligeiramente superior ao expresso pela população em geral (47,3%).

A CGS entrevistou mais de mil norte-americanos com idades entre 18 e 65 anos sobre como os produtos e as práticas comerciais sustentáveis ​​estão a impulsionar as suas preferências de compra. Apesar do preço ainda ser um grande fator nas decisões, os consumidores estão a colocar ênfase na sustentabilidade.

Publicidade

Ceconomy suspende planos de aliança com a Fnac Darty

Projeto de preservação de abelhas do Lidl ganha reconhecimento da ONU