in

Correos compra 51% da Rangel

A Correos de Espanha vai comprar uma participação maioritária na Rangel, naquela que é a sua primeira operação internacional.

A filial Correos Express notificou a Autoridade da Concorrência portuguesa desta intenção, num negócio que deverá contar também com a autorização do governo espanhol, já que a Correos depende de controlo estatal.

A compra enquadra-se no processo de internacionalização do grupo, que tem como propósito posicionar-se como um operador de relevância no mercado do e-commerce. A compra da Rangel fortalecerá a sua presença no mercado ibérico, do mesmo modo que os últimos acordos anunciados com a Aliexpress permitirão posicionar-se na Ásia.

Foi no início do ano que Juan Manuel Serrano, presidente da Correos, anunciou uma nova etapa de crescimento a nível internacional, sublinhando a necessidade estratégica de servir a Península Ibérica em menos de 24 horas.

Com receitas de 175 milhões de euros, a Rangel, que conta entre os seus serviços o das entregas urgentes, tem presença direta em Angola, Moçambique, Cabo Verde e Brasil e possui uma rede de colaboradores que lhe permite servir 220 países. Com um total de 23 mil clientes, sendo que o mercado doméstico vale 85% do negócio, emprega 1.500 pessoas e gere 250 mil metros quadrados de operações logísticas.

49% dos consumidores recorrem ao vending pela sua rapidez

74% dos consumidores britânicos acreditam que os preços dos alimentos vão subir após o Brexit