Diageo
in

Coronavírus passa a fatura à Diageo

A Diageo calcula que o surto de coronavírus na China e na região da Ásia Pacífico irá reduzir as suas vendas orgânicas entre 268 e 387 milhões de euros, durante o exercício de 2020, que concluirá no próximo mês de junho.

Além disso, a multinacional de bebidas espirituosas prevê um impacto negativo no seu resultado operacional orgânico de entre 167 e 238 milhões de euros. “A situação é dinâmica e continua a evoluir”, indica a Diageo, acrescentado que estas estimativas excluem qualquer impacto do vírus noutras regiões.

Deste modo, a multinacional assinala que na base destas previsões está a situação na China continental, onde os bares e restaurantes estiveram encerrados durante muito tempo e se reduziu, de modo substancial, os eventos sociais. De igual modo na Ásia Pacífico, onde o turismo caiu e, em consequência, o consumo.

Não obstante, a Diageo espera uma melhoria gradual durante o quarto trimestre do ano fiscal de 2020.

E-commerce

Bruxelas adota novas regras para evitar a fraude fiscal no e-commerce

vendas do Carrefour

Carrefour regressa aos lucros