in

Coca-Cola European Partners fatura mais 4,5% na Ibéria

O negócio da Coca-Cola European Partners (CCEP) na região da Ibéria, que compreende os mercados de Portugal, Espanha e Andorra, cresceu 4,5%, nos primeiros nove meses do ano, para os 2.160 milhões de euros.

De acordo com a empresa, este desempenho reflete um “crescimento sólido do volume nos primeiros nove meses, que reflete a climatologia favorável, a melhoria das tendências de mercado e a sólida execução, sobretudo no canal de consumo imediato”.

Coca-Cola, Fanta, Monster e Aquarius foram as marcas que lideraram o crescimento na região entre janeiro e setembro.

Considerando apenas o terceiro trimestre, as vendas na Ibéria cresceram 2%, para os 878 milhões de euros.

Globalmente, a CCEP faturou 9.084 milhões de euros durante os primeiros nove meses do ano, 4% mais que no período homólogo. “Apesar de continuarmos a ganhar quota de mercado em todos os mercados onde operamos, experimentámos um arranque do quarto trimestre mais lento do que o esperado, já que observamos alguns sinais de que as condições de mercado estão mais debilitadas, especialmente em França e na Grã Bretalha, assim como a climatologia adversa em outubro na maioria dos mercados”, afirma Damian Gammell, CEO da CCEP.

Nos primeiros nove meses do ano, as vendas cresceram 6,5% na Grã-Bretanha e em França, para os, respetivamente, 1.777 milhões de euros e 1.438 milhões de euros. A Alemanha registou um aumento de 3,5%, para os 1.821 milhões de euros, e o norte da Europa evoluiu 2%, para os 1.888 milhões de euros.

Publicidade

Vendas e EBITDA do Grupo Jerónimo Martins crescem 6,7%

Água Monchique interrompe produção