in

Ceetrus transforma principal terminal ferroviário na Europa

A Ceetrus, empresa de imobiliário misto, será responsável pela metamorfose do principal terminal ferroviário na Europa, a Gare du Nord, em Paris, através do desenvolvimento de um projeto global de transformação que terá com principal objetivo a adaptação do espaço à evolução da sociedade, triplicando a sua dimensão, até 2024.

Para o desenvolvimento deste projeto, foi criada uma parceria entre a Ceetrus e a SNCF Gares & Connexions, divisão da SNCF (Société Nationale des Chemins de Fer Français), empresa pública de caminhos-de-ferro franceses. Em conjunto, serão responsáveis pela ampliação da Gare du Nord e pela sua exploração comercial por um período de 35 a 46 anos.

Tendo em vista a realização dos Jogos Olímpicos de Paris 2024, pretende-se triplicar o volume da Gare du Nord, passando de 36 mil para 110 mil metros quadrados, tornando o tráfego daquele que é o terminal ferroviário mais movimentado no espaço europeu mais fluido, confortável e seguro para os passageiros. Por outro lado, este projeto vai fazer nascer um novo distrito na cidade, com serviços de restauração e comerciais, escritórios, infraestruturas de desporto e cultura.

Esta transformação envolve a criação de 65.516 metros quadrados de superfícies que compreendem 20.817 metros quadrados para espaço comercial, 7.312 metros quadrados para escritórios e 5.689 metros quadrados para coworking, um pólo de lazer, cultura e desporto com mais de 9.000 metros quadrados, 1.771 metros quadrados em restauração e 6.172 metros quadrados de serviços.

Da responsabilidade do Gabinete de Arquitetos Valode & Pistre, o projeto conduzirá uma transformação considerada tão importante quanto a liderada pelo arquiteto Hittorff, em 1864, e posicionará a Gare du Nord como o novo “coração” urbano de dimensão internacional, na capital francesa.

Publicidade

QP Aragonez 2015 Grande Medalha de Ouro em Bruxelas

Henkel investe na unidade de negócios de Laundry & Home Care