in

Alibaba consegue duplicar os lucros no primeiro trimestre

Foto Shutterstock

O Alibaba beneficiou da quarentena e do aumento das compras online. No seu primeiro trimestre fiscal, compreendido entre abril e junho, os lucros cresceram 124%, para os 5.812 milhões de euros.

Daniel Zhang, CEO do grupo chinês, atribuiu os resultados positivos ao facto deste estar bem posicionado na transformação digital, que se acelerou durante a pandemia de Covid-19. “Mobilizámos toda a nossa infraestrutura digital para apoiar a recuperação económica dos negócios em vários sectores, ao mesmo tempo que alargamos e diversificamos a nossa base de consumidores, ao responder à evolução das suas preferências num ambiente pós-Covid. Apesar destes tempos pouco usuais, permanecemos focados no longo prazo, em cumprir a nossa missão e em criar valor para os nossos consumidores e parceiros de negócio”.

As receitas cresceram 34%, para os 18.765 milhões de euros. Na China, o negócio de retalho cresceu em igual proporção, para os 12.364 milhões de euros. Já a nível internacional, a faturação aumentou 26%.

O Alibaba também reportou um aumento das vendas noutros negócios, em particular na computação Cloud, onde o volume de negócios cresceu 59% em termos homólogos. A responsável pela área financeira, Maggie Wu, assegura que dado o forte crescimento e liquidez, será possível ao grupo continuar a investir para crescer a longo prazo.

Publicidade

trabalho

Adecco traça um futuro do trabalho híbrido

Carrefour

Carrefour permite selecionar horário para pagamento de compras