in

Aldi continua a investir no mercado português

Insígnia quer ter mais de 100 lojas até 2025

O Grupo Aldi Nord mantém a sua aposta no mercado português, fortalecendo a sua posição quer em termos de superfícies de venda, quer de estruturas de abastecimento, procurando, agora, uma localização a norte, para a construção de um novo entreposto logístico.

A nova superfície logística Aldi da Moita encontra-se em construção e contará com 50 mil metros quadrados de construção, num investimento total de 60 milhões de euros. A conclusão das obras está prevista para início de 2022 e antevê a criação de cerca de 300 postos de trabalho diretos e indiretos.

A cadeia procura, agora, uma nova localização para um entreposto a norte, para abastecer as mais de 100 lojas que prevê inaugurar até ao final de 2025, nesta geografia, com um investimento previsto de aproximadamente de 45 milhões de euros.

 

25 novas lojas

Para 2021, estão previstas 25 novas lojas Aldi, ultrapassando assim uma centena de lojas e ficando presente na maioria dos distritos de Portugal continental.

O Aldi Portugal assume, assim, um plano vigoroso de crescimento, que passará pela presença em novas geografias e formatos de lojas, incluindo os centros urbanos, que contarão com formatos próprios e adaptados, para servir de forma mais conveniente, a população.

A definição geográfica das novas lojas tem sido baseada num forte critério de localização, fator-chave para servirmos cada vez melhor os nossos clientes, em termos de conveniência”, afirma João Braz Teixeira, Managing Director de Expansão do Aldi Portugal.

Publicidade

Filipa Garcia e Pedro Santos - Garcias

Garcias apresenta nova equipa de Off Trade

Kaffa Biodegradável

Kaffa lança nova cápsula biodegradável e compostável