in

4.º trimestre ajuda às vendas da AB InBev

O forte quarto trimestre ajudou a AB InBev a melhorar as suas vendas em 5,1%, em 2017, para os 46,3 mil milhões de euros.

Em volume, após a queda de 2% registada em 2016, a cervejeira obteve uma ligeira melhoria de 0,2%. Foram vendidos 613 milhões de hectolitros de cerveja em 2017, beneficiando do crescimento de 1,6% no último trimestre. As três principais marcas – Stella Artois, Budweiser e Corona – viram as suas vendas combinadas subir 9,8%.

A mudança da nossa presença mundial, graças à fusão com a SABMiller, ajudou-nos a focar nos mercados com elevado potencial de crescimento”, disse a AB InBev em comunicado.

O EBITDA do maior grupo cervejeiro do mundo aumentou 13,4%, para os 18,1 mil milhões de euros, graças às sinergias obtidas com a aquisição da SABMiller. “O resultado da combinação das duas empresas é maior que a soma das duas partes”.

Publicidade

Portugal exportou 780 milhões de euros em vinho

JD.com com forte crescimento em 2017