in

Tráfego internet por banda larga cresceu acentuadamente com a pandemia

Foto Shutterstock

O volume de tráfego associado ao acesso à Internet por banda larga alcançou os 10,1 mil milhões de gigabytes, em 2020.

O tráfego no acesso à Internet por banda larga aumentou 60,6%, no ano passado, com a pandemia, após crescimentos de 28,7%, em 2019, e de 44,8%, em 2018, divulgou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

No geral, o sector das comunicações atingiu um volume de negócios de 7,3 mil milhões de euros, crescendo 10,1% face ao ano anterior (4,4% em 2019). A componente de telecomunicações aumentou 11,9%, correspondendo a 6,2 mil milhões, e a componente de atividades postais cresceu 1,2% (13,8% em 2019).

 

Acessos

Os dados revelam que o número de acessos à Internet aumentou 4,9%, em 2020, acima da subida de 4,8%, em 2019, atingindo 4,16 milhões. Os acessos por fibra ótica continuaram a crescer a um ritmo assinalável (14,1%), ainda que ligeiramente inferior ao do ano anterior (17,4% em 2019).

O número de assinantes do serviço de televisão por subscrição que subiu 4%, mais do que os 3,7% em 2019, atingindo 4,2 milhões de assinantes. O serviço com tecnologia de fibra ótica (FTTH), tal como no ano anterior, foi o único a registar um aumento de subscritores (14,4%, abaixo da subida de 17,5% em 2019) e representou 51,6% do total, com 2,2 milhões de assinantes.

Publicidade

Heinz Mars Edition

Kraft Heinz lança ketchup com tomates marcianos

Adega de Palmela e cerveja Aldeana lançam duas cervejas de uva