Wallapop
in ,

Plataforma para venda de bens em segunda mão Wallapop chega a Portugal

A Wallapop, a plataforma para venda de bens em segunda mão, acaba de chegar a Portugal com o objetivo de se tornar a plataforma líder em consumo sustentável. Numa primeira fase, os portugueses vão ter a oportunidade de comprar e vender dentro de Portugal e também comprar produtos de Espanha.

A Wallapop disponibiliza aos clientes portugueses as mais diversas categorias de produtos em segunda mão com destaque para eletrónicos, artigos de casa e jardim, livros, música, moda e carros. Terá ainda disponíveis categorias que permitem listar itens relacionados com serviços e imobiliário, desde serviços de construção, reparações ou limpeza, até arrendamentos de imóveis.

Os utilizadores portugueses poderão listar os seus artigos e vendê-los sem custos, independentemente de se encontrarem pessoalmente com o comprador ou de lhes enviarem o artigo através dos Envios Wallapop. O custo deste serviço, que variará de acordo com o peso do item e a escolha da entrega, será pago diretamente pelos compradores.

Apostar em Portugal como o próximo passo na internacionalização da Wallapop vai permitir-nos dar mais um passo na construção de um ecossistema de inventário único na Europa, que faça dos produtos reutilizados a opção de compra preferencial. A nossa chegada ao mercado português permitirá consolidar esta forma de consumo em novos territórios, ao mesmo tempo que expandimos o inventário transfronteiriço disponível através da plataforma, melhorando também a experiência em Espanha e Itália“, explica Rob Cassedy, CEO da Wallapop.

 

Envios Wallapop

Uma das principais características da Wallapop está nos envios. A plataforma permite saber a localização do vendedor e comprador, o que possibilita entregas em mão, evitando custos de envio. Para transações à distância, os utilizadores podem recorrer aos Envios Wallapop, que oferecem uma garantia de proteção para todos os envolvidos. A Wallapop conta com dois parceiros logísticos: os CTT e a DPD.

Os utilizadores têm medidas de segurança específicas, incluindo métodos de pagamento seguros e cobertura através do centro de litígios da marca. Neste campo, a segurança é um ponto fundamental. A Wallapop possui uma equipa de Trust & Safety que monitoriza constantemente a plataforma para parar potenciais ações fraudulentas, o mais rapidamente possível.

 

15 milhões de utilizadores

Com uma média de mais de 100 milhões de novos produtos carregados todos os anos na plataforma, e mais de 15 milhões de utilizadores que a visitam todos os meses, a Wallapop aposta agora no mercado português depois de, em 2021, ter iniciado a fase de internacionalização com a entrada da plataforma em Itália, onde foi a aplicação de reutilização com mais downloads acumulados no primeiro semestre de 2022.

A plataforma de consumo sustentável dá assim mais um passo na sua ambição de construir um ecossistema de inventário único na Europa, que permita a todas as pessoas ter um consumo mais consciente e gerar oportunidades económicas no contexto atual de inflação.

economias

OCDE adverte para a perda de poder nas maiores economias do mundo

Serum antienvelhecimento Bakuchiol

Pingo Doce lança sérum vegan antienvelhecimento