in

PIB de Taiwan vai contrair-se 0,5% em 2020

Exportações podem sofrer contração superior a 6% em 2020

A Crédito y Caución prevê que o PIB de Taiwan se contrairá, em 2020, em torno de 0,5%, sem afastar a possibilidade de uma recessão mais pronunciada.

As medidas adotadas na China continental para combater a pandemia de coronavírus estão a provocar atrasos na produção de Taiwan e escassez de matérias-primas, especialmente nos sectores da eletrónica e das TIC, que representam 33% das suas exportações. Embora a ilha tenha conseguido, até agora, travar a propagação do coronavírus, a procura interna viu-se afetada pela desaceleração do consumo privado e pelas amplas proibições às viagens, que pararam a afluência de turistas.

A Crédito y Caución prevê que as exportações de Taiwan sofram uma contração superior a 6%, em 2020. Este mercado está muito integrado na cadeia de fornecimento global, orientado principalmente para a exportação de eletrónica, equipamentos informáticos, metais e plásticos. A exportação de bens e serviços representa mais de 70% do PIB e a China continental representa cerca de 40% das suas exportações e 20% das importações.

Neste contexto, a Crédito y Caución prevê um aumento das insolvências em Taiwan. O risco de crédito dos sectores de eletrónica e das TIC, do comércio retalhista de bens de consumo duradouros e dos serviços de hotelaria, restauração e turismo pioraram. Uma maior deterioração da procura externa poderia pesar sobre os sectores dependentes das exportações, principalmente a eletrónica e as TIC.

Taxas de juro em mínimos históricos

Em março, o banco central reduziu as taxas de juro, pela primeira vez em quatro anos, ao mínimo histórico de 1,125% e proporcionou liquidez aos bancos para apoiar as PME. Em abril, as autoridades lançaram medidas de estímulo no valor de 35 mil milhões de dólares para apoiar empresas e famílias. As finanças públicas de Taiwan são muito sólidas, com uma dívida pública de cerca de 30% do PIB denominada em moeda local e nas mãos de investidores nacionais. Isto oferece uma certa margem para despesas adicionais, se forem necessárias. Entre os riscos de baixa para esta economia, além do prolongar da pandemia mundial, encontram-se uma escalada das tensões políticas com a China continental ou a adoção de novas medidas protecionistas por parte de Washington.

Christian Klein assume as funções de único CEO da SAP

alimentação

App Sem Filas está integrada no MB WAY