in

Operador de discount russo expande-se pela Europa

Crise da Covid-19 representa oportunidade

Imagem Shutterstock

O operador de hard discount russo Mere abriu a sua terceira loja na Alemanha e quer continuar a expandir-se pela Europa, já que a crise económica causada pelo coronavírus representa uma oportunidade.

Na Alemanha, a cadeia possui já lojas em Halle, Leipzig e Zwickau e planeia chegar até aos 100 pontos de venda. A Mere planeia também expandir-se pela Lituânia e Polónia e continua a reforçar a sua posição no mercado bielorrusso.

 

Top 10

Desde o ano passado que a Torgservis, a empresa detentora da Mere, faz parte do top 10 dos maiores retalhistas alimentares na Rússia, com a abertura de 500 lojas, só em 2019. Isto faz com que tenha um dos maiores crescimentos em termos de número de pontos de venda no país, apenas atrás do líder X5 Retail Group, outro dos ativos de Mikhail Fridman, o “dono” do Grupo DIA, e da Magnit.

A crise causada pelo coronavírus poderá catalisar, ainda mais, os negócios da Mere, já que 20% da população russa vê-se já confrontada com situações de pobreza.

 

Expansão russa

São cada vez mais os retalhistas russos que apostam na sua expansão pela Europa. No início de março, a VkusVill anunciou a intenção de abrir uma loja na Holanda e outra em França. Também o operador de e-commerce Wildberries, o maior do país, anunciou a sua intenção de conquistar o mercado europeu, via Polónia.

Publicidade

Crise sanitária acelera mudanças nos hábitos de consumo

Crise sanitária acelera mudanças nos hábitos de consumo

Adidas

Covid-19 evapora lucros da Adidas