in

NACEX abre novo centro de distribuição em Vila Nova de Gaia

A NACEX Portugal, a empresa de transporte expresso do Grupo Logista em Portugal, acaba de reforçar a sua rede nacional com a abertura de um novo centro de distribuição em Vila Nova de Gaia.

O reforço da rede logística na zona norte do país resulta da aposta da transportadora numa maior proximidade dos seus destinatários nos grandes centros urbanos, com destaque para o sector hospitalar. “Com cerca de 300 mil habitantes, Vila Nova de Gaia exigia um centro de distribuição que permita não só chegar de forma mais efetiva à generalidade dos nossos destinatários do Grande Porto, mas em particular junto dos hospitais desta área urbana“, refere João Jales, country manager da NACEX Portugal. “Através deste novo centro de distribuição em Vila Nova de Gaia, conseguiremos chegar aos hospitais deste concelho à primeira hora do dia, assegurando que cumprimos com a urgência associada às entregas hospitalares“.

O country manager da NACEX em Portugal sustenta ainda que o reforço da rede nacional com o novo centro de distribuição em Vila Nova de Gaia “reflete os bons resultados que temos tido, ao longo dos últimos anos, e visa dar continuidade ao serviço de excelência que prestamos aos nossos clientes“. João Jales acrescenta que “o facto de termos uma taxa de satisfação muito próxima dos 100% aumenta a nossa responsabilidade e obriga à constante aposta na especialização e flexibilização dos nossos serviços, com a implementação de novas soluções tecnológicas, com a formação contínua dos nossos profissionais e a renovação da nossa rede de distribuição“.

Com mais de uma década a atuar no mercado português, ao longo dos últimos anos, a NACEX tem apostado em sectores-chave da área da saúde e das tecnologias da informação e comunicação (TIC), onde se tem destacado pela qualidade dos seus serviços. A transportadora conta com uma larga experiência no transporte de material médico-hospitalar (material cirúrgico e ortopédico), nas áreas da ortodontia, laboratórios, farmacêutica, bem como de material ligado à eletrónica, informática e telecomunicações, entre outros.

E-commerce impacta a procura de infraestruturas logísticas em Portugal

Aveleda aumenta produção própria em 150% e atinge os 19 milhões de euros em garrafas vendidas