in

Mikhail Fridman abre as portas a uma modificação da OPA sobre a DIA

Mikhail Fridman

O prazo de aceitação da oferta de aquisição pública (OPA) sobre o Grupo DIA por parte da LetterOne, o fundo de investimento do milionário russo Mikhail Fridman, foi novamente adiado, de 30 de abril para 6 de maio.

Face aos resultados negativos preliminares no primeiro trimestre anunciados na semana passada pela administração da DIA, o investidor e principal acionista abriu as portas a uma possível modificação das condições da OPA, com redução da condição mínima de aceitação dos 35,5% inicialmente previstos para 21% do capital. O preço mantém-se nos 67 cêntimos por ação.

Publicidade

Publicidade

Celestino Silva é o novo administrador da Dachser na Península Ibérica

Preço é o principal entrave ao consumo de produtos locais