in ,

Metro expande negócio de comércio eletrónico por toda a Europa

Nova estratégia sCore para atingir vendas de 40 mil milhões de euros

Steffen Greubel

O CEO da Metro, Steffen Greubel, apresentou em Düsseldorf, na Alemanha, a nova estratégia da empresa, denominada sCore, que resulta da combinação das palavras “score” e “core”, pela qual a empresa estabelece metas ambiciosas para 2030, entre as quais se destaca um volume de negócios de mais de 40 mil milhões de euros, o que representaria um aumento de 61% face ao valor atual de 24.800 milhões de euros.

Estamos no momento de acelerar a nossa estratégia e, portanto, nos próximos anos, vamos trabalhar para acelerar o ritmo de crescimento e maximizar a nossa proposta de valor para nos tornarmos no principal grossista de alimentos“, disse Steffen Greubel durante a apresentação da nova estratégia decorrida esta quarta-feira, dia 26 de janeiro, no âmbito do seu Capital Markets Day.

 

Objetivos

Entre os objetivos definidos pela empresa, que em Portugal está presente através da Makro, destaca-se o aumento entre 3% e 5% nas vendas, entre 2022 e 2025, de forma a ultrapassar os 40 mil milhões de euros em 2030. A Metro disse recentemente que espera reportar um aumento de vendas entre 3% e 7%, no seu exercício de 2021/22, depois de um forte quarto trimestre.

Quanto ao EBITDA, que atualmente é de 1.200 milhões de euros, a meta é também um crescimento entre 3% e 5%, até 2025, ultrapassando os dois mil milhões de euros, em 2030.

Da mesma forma, a Metro prevê investir até 2,5% das suas vendas totais, entre 2022 e 2025, reduzindo gradualmente essa percentagem para 1,5%, em 2030, exercício para o qual pretende atingir um cash flow superior a 600 milhões de euros.

 

3 pilares de crescimento

Para atingir os seus objetivos, a Metro estabeleceu um roteiro baseado num modelo de negócio multicanal, através do qual as lojas físicas serão transformadas em centros de reabastecimento multicanal, se fomentará o delivery e o marketplace online da empresa será melhorado.

A ofensiva de crescimento da Metro vai focar-se em três pilares, que incluem intensificar o foco grossista nos clientes profissionais, expandir significativamente o modelo de negócio multicanal e desenvolver novos negócios, que envolvem a expansão dos conceitos de franquia para clientes Trader e a aceleração do negócio de key accounts.  no sector da hotelaria.

A Metro pretende ainda realizar uma “reorientação funcional” das lojas para clientes profissionais, com sortidos B2B direcionados, aumentar a sua quota de marca própria para mais do que 35%, expandir as suas operações de foodservice (FSD) através da utilização alargada do espaço de loja para o delivery e de armazéns adicionais, expandir o seu marketplace Metro Markets internacionalmente e procurar reforçar a retenção de clientes, tanto na hotelaria como do comércio em geral.

 

Foco nos profissionais

A Metro perspetiva que os clientes profissionais representem 80% das vendas, a médio prazo, pelo que a sua ambição é que as lojas físicas aumentem as suas vendas e sirvam para melhorar a eficiência do serviço de entrega.

Para impulsionar o canal de vendas FSD, a Metro vai aumentar a capacidade da rede atual (das 681 lojas da empresa, 67 funcionam como armazéns) e expandir a força de vendas (duplicará os atuais 6.500 postos de trabalho), esperando que as suas vendas tripliquem até 2030.

Por outro lado, o negócio de comércio eletrónico, que atualmente já está presente na Alemanha e em Espanha, vai expandir-se por toda a Europa, com o objetivo de faturar três mil milhões de euros, em 2030. As vendas digitais deverão crescer para 40% das vendas totais.

A nossa estratégia sCore representa o crescimento no ‘core business’ da Metro: comércio grossista alimentar para clientes profissionais“, destacou Steffen Greubel. “Já ultrapassámos o crescimento do mercado, nos últimos meses, com vendas recorde em muitos países. Agora, trata-se de desenvolver consistentemente a nossa estratégia. O nosso crescimento será principalmente orgânico e financiado através do negócio operacional. Com a nossa estratégia sCore, estamos a criar valor acrescentado para os nossos clientes e colaboradores, para investidores e para a sociedade

A Metro também delineou planos para alcançar a neutralidade carbónica, até 2040, evitando o desperdício de plástico e de alimentos e continuando a expandir a sua gama de produtos sustentáveis.

Publicidade

Huawei P50 Pocket Premium Edition

Huawei P50 Pocket Premium Edition chega a Portugal

Kimberly-Clark

Kimberly-Clark ganhou menos 23% em 2021