in

Metade das descartáveis com três lâminas vendidas em Portugal são BIC

Com mais de 40 anos de produção de lâminas de barbear descartáveis, a BIC está presente em 160 países, em todos os continentes, tanto em mercados maduros como emergentes. São 3,2 milhões as lojas de retalho que vendem esta categoria de produtos, contando com 9.200 funcionários em todo o mundo. Apesar de ser o segmento da empresa, entre os três principais – papelaria, isqueiros e lâminas –, que é responsável por menos vendas, com 23%, a BIC mantém o segundo lugar em vendas em volume de lâminas não recarregáveis na Europa, Estados Unidos da América e Brasil.

Todos os anos, 7,1 milhões de lâminas da marca BIC são compradas em todo o mundo, o que representa, segundo dados da empresa, 467 milhões de euros em vendas.

 Em Portugal, a BIC é responsável por, aproximadamente, um quarto do mercado, pelo que vende cerca de 10 milhões de unidades por ano em todo o país. Uma quota crescente que a BIC tem conquistado no sector de lâminas de barbear e que Pedro Domingos, diretor geral da BIC em Portugal, fundamenta na introdução da tecnologia de lâminas movíveis nas suas descartáveis. “A nossa gama Flex tem vindo a distinguir-se no segmento de sistemas descartáveis pela sua alta tecnologia e qualidade. Quando os consumidores experimentam os produtos desta gama, ficam bastante satisfeitos com os resultados. Por outro lado, a BIC desempenha um importante papel na categoria de sistemas descartáveis, acrescentando valor à mesma, uma vez que promove o ‘trade up’ da categoria, recrutando consumidores para o segmento de três lâminas com ‘entry products’ de qualidade e que logo se movem para produtos de maior valor. Desta forma, a BIC, em conjunto com os nossos parceiros de distribuição, tem sido capaz de dinamizar este segmento. O segmento de três lâminas tem sido e continua a ser o dinamizador da categoria e no qual a BIC tem vindo a crescer de forma continuada ao longo dos anos, tendo alcançado, no final do primeiro trimestre deste ano, a sua liderança. Hoje, metade das lâminas de barbear vendidas em Portugal nesse segmento são BIC”.

A tecnologia de três lâminas tem vindo a crescer todos os anos e representa já 40% das vendas totais de sistemas descartáveis. Por sua vez, o mercado de quatro e de cinco lâminas ainda é muito residual.

Tendências masculinas
As lâminas descartáveis são um segmento em crescimento há mais de cinco anos e representam mais de 80% do volume total de vendas no mercado de barbeado húmido em Portugal. São uma ótima opção para o barbear diário e esporádico, numa perspetiva de qualidade e preço”, afirma Pedro Domingos.

Produtos simples, com a melhor tecnologia, fáceis de encontrar para o consumidor e a preços acessíveis são, afinal, os objetivos da marca que foi adaptando a sua oferta às novas necessidades e às mais recentes tendências nos cuidados pessoais masculinos. Seja um barbeado mais localizado na cara, no caso dos homens que usam barba diariamente, ou um barbeado que se estende pelo corpo. Para a BIC, todas estas tendências são oportunidades de crescer no seu mercado. “Sempre considerámos que são produtos complementares, pois, afinal, trata-se de cuidar mais da aparência. Quando um homem tem barba continua a barbear, mas de uma outra forma. Se compararmos o mercado, como já o fizemos anteriormente, podemos afirmar que o consumidor aposta cada vez mais em produtos de maior qualidade, com uma melhor tecnologia, e são este tipo de produtos que fazem com que o valor do mercado se mantenha”, diz o responsável. “O que o consumidor procura é um deslize suave, que não provoque irritações, nem cortes na pele. Neste território, a BIC é especialista, apostando continuamente em tecnologias de melhoria, por forma a alcançar as expectativas do consumidor”.

O lado feminino
A BIC criou a primeira lâmina para mulheres, a BIC Classic Lady, em 1978. Em 2016, continuou com a aposta neste segmento com a introdução de Miss Soleil BIC. “As lâminas descartáveis femininas representam 15% do total do mercado. O interessante é que este segmento foi o que mais cresceu nos últimos anos. No entanto, estamos conscientes que ainda há por recrutar uma percentagem importante do público feminino que ainda utiliza lâminas masculinas”, salienta o diretor geral.

As lâminas são um importante método de depilação em Portugal, para certas consumidoras o único e para a maioria de forma esporádica por conveniência ou como método complementar aos restantes. Apesar das vendas de lâminas serem bastante estáveis ao longo do ano, a BIC sente alguma sazonalidade nos meses de verão, onde se registam alguns aumentos sobretudo no segmento feminino. “Os produtos estrela da depilação feminina são as lâminas de duas folhas, como a BIC Twin Lady, pois são práticas, eficazes e muito acessíveis. No entanto, também se destacam as lâminas mais avançadas com três folhas e corpo ergonómico, como a BIC Miss Soleil. Também em lâminas femininas descartáveis, a BIC detém a liderança de mercado, tanto em valor como em unidades”, comenta Pedro Domingos.

Este ano, a BIC vai continuar a apostar na tecnologia de “shaving”, prevendo lançar produtos inovadores e ainda mais fáceis de utilizar, por forma a dar resposta às necessidades do consumidor. “Um bom ano 2017 para a BIC passa por continuar a entrar nas casas dos consumidores, mostrando-lhes que na gama de descartáveis BIC poderão sempre encontrar produtos de alta qualidade, com a última tecnologia, sempre a um preço acessível”, conclui o gestor.

Este artigo foi publicado na edição 45 da Grande Consumo.

Publicidade

Vendas da Kellogg em queda

Chocapic, Nesquik e Estrelitas oferecem 400 máquinas fotográficas