in

Mercadona investe 52 milhões de euros em dois anos na melhoria de processos

A Mercadona investiu, nos últimos dois anos, 52 milhões de euros em medidas de proteção ambiental, de acordo com a sua “Memória de Meio Ambiente 2015-2016”.

Este montante foi destinado à melhoria de processos ao nível da otimização logística, eficiência energética e gestão de resíduos.

Ao nível da otimização logística, a Mercadona destaca a sua estratégia de frescos, que pretende aumentar a presença de produtos “de qualidade e proximidade e, portanto, encurtar a cadeia logística com o consequente menor impacto ambiental”. Desse modo, manter a frota de camiões ativa o maior tempo possível e ter os veículos sempre cheios são aspetos determinantes.

Para reduzir o consumo energético, por seu turno, a Mercadona tem implementado diversas medidas, de que o novo conceito de loja eficiente é um bom exemplo. Face ao modelo anterior, estas lojas reduzem o impacto ambiental em 40%.

Finalmente, quanto à gestão de resíduos, têm sido implementadas medidas para conseguir que todos os alimentos ao longo da cadeia se consigam aproveitar e, quando tal não é possível, dispor de programas de redistribuição para fazê-los chegar a quem mais necessita.

A Mercadona tem ainda em curso estratégias para assegurar a minimização dos resíduos produzidos tanto pelas lojas como pelos armazéns, ao mesmo tempo que os seus interfornecedores também desenvolvem as suas próprias estratégias para melhorar a eficiência e reduzir o impacto dos seus processos.

Publicidade

Campanha promove nova embalagem Guloso

Plataforma Adelaide.farm apresenta nova modalidade de compra avulso