in

Kraft Heinz vai ter de reformular as contas a partir de 2016 por erros contabilísticos

Foto Shuttertsock

A Kraft Heinz vai reformular as contas dos exercícios de 2016 e 2017, assim como dos primeiros nove meses de 2018, para corrigir os erros contabilísticos em relação ao custo de alguns produtos vendidos.

Segundo explica a multinacional norte-americana, estes erros ficaram a dever-se “à má conduta de alguns colaboradores” e não representam quantitativamente um impacto significativo em nenhum dos períodos. Estavam relacionados principalmente com o momento inadequado em que determinados custos e reembolsos vinculados a contratos com fornecedores foram inicialmente reconhecidos.

Em fevereiro passado, a Kraft Heinz reconheceu estar a ser alvo de uma investigação do regulador do mercado relacionada com as suas práticas contabilísticas, procedimentos e controlos internos, que motivou o seu próprio inquérito. Esta auditoria não encontrou indícios de que qualquer membro da equipa de gestão tenha tido uma conduta incorreta. Foram adotadas medidas para melhorar os controlos internos, de modo a mitigar a probabilidade de que algo semelhante possa acontecer no futuro.

Publicidade

Publicidade

Nova Coruja Hoppy Lager chega ao mercado

Kellogg substitui diretor de finanças após queda de 36,5% nos lucros