in

IKEA abre pontos de recolha em Coimbra e na Madeira

Os clientes IKEA em Coimbra e na Madeira já têm disponível um ponto de recolha, respetivamente, para soluções de mobiliário e decoração da marca de origens suecas.

Neste local, operado por parceiros externos da IKEA, os clientes poderão levantar as suas compras online, independentemente do valor de compra ou dimensão da encomenda. No caso de Coimbra, o serviço tem um valor fixo de 25 euros enquanto na Madeira será de 49 euros. “Estamos muito satisfeitos com a abertura destes dois novos pontos de recolha, em Coimbra e na Madeira, zonas onde a marca ainda não tinha presença direta. Dentro da nossa estratégia de acessibilidade, queremos apostar cada vez mais nestes novos formatos, em zonas de proximidade, mas, também, em zonas mais distantes das nossas lojas, para que consigamos chegar a um maior número de clientes e, assim, disponibilizar os nossos artigos de uma forma conveniente e acessível, com um preço de serviço fixo. Temos a ambição de, durante este ano, operar 14 pontos de recolha no país e, com isso, estarmos mais próximos da maioria dos portugueses”.

Enquadrado na estratégia de transformação multicanal, este serviço torna mais acessível e conveniente às famílias destas regiões adquirir soluções para a casa.

Em Coimbra, este novo serviço irá funcionar no Parque Industrial de Taveiro, Lote 18. Neste local, as encomendas podem ser recolhidas nos dias úteis entre as 9 horas e 12h30 e as 14 e 19 horas (encerra todos os sábados, domingos e feriados). No caso da Madeira, o ponto de recolha irá operar na Estrada do Garajau n.º 139, Caniço, Santa Cruz, e a recolha das encomendas terá de ser efetuada nos todas dias úteis entre as 8 horas e as 12h30 e as 13h30 e 17h30.

Publicidade

Publicidade

Marcas aliam-se à Geração Z para construir o futuro

Coronavírus deverá afetar transporte aéreo e retalho mundial