in

Google lança novos recursos de publicidade para PME

Google

A equipa de publicidade da Google publicou um post a explicar como a companhia ajustou a planificação de lançamentos para disponibilizar produtos mais simples, automatizados e com “insights” que irão ajudar as indústrias mais afetadas pela Covid-19: pequenos e médios negócios locais e organizações sem fins lucrativos.

Entre as medidas incluem-se 200 milhões de dólares adicionais em anúncios de publicidade para organizações sem fins lucrativos. “Estamos a reforçar o nosso compromisso anual em Ad Grants em 200 milhões de dólares, totalizando agora um total de mil milhões de dólares para apoiar as organizações sem fins lucrativos“.

Outro dos anúncios refere-se à extensão, a mais de 150 países, das ferramentas de anúncios para pequenos negócios. As campanhas inteligentes estão agora disponíveis em todos os países através do Google Ads e “estamos tornar mais simples o registo e a execução dos anúncios através da aplicação“. Utilizando o poder do machine learning, os anúncios podem ser criados em menos de 15 minutos e proporcionar fortes resultados nas plataformas Google: pesquisa, Maps, Display e YouTube.

A Google disponibiliza ainda a funcionalidade de mapas gratuitos para utilizadores de anúncios para PME (novos pins promovidos no Map, grátis para todos os utilizadores de campanhas inteligentes até ao final de setembro). Os pins promovidos ajudam as empresas a destacar-se no Maps com o seu respetivos logos de categoria. Os negócios podem também destacar serviços específicos, como recolha e entregas móveis ou algo único que proporcionem.

Além disso, a tecnológica quer ajudar os consumidores a ligarem-se aos negócios. A Google Shopping, uma nova unidade baseada no Google Maps, será exibida com resultados específicos de produtos de lojas locais, quando o utilizador mostrar uma intenção local (por exemplo, PCs perto de mim) ou quando usar o filtro “próximo de mim” nos resultados.

Restaurantes

Como o cenário está a mudar rapidamente, desde março, estão disponíveis várias e novas ferramentas e recursos para ajudar as empresas a adaptarem-se e a manterem as pessoas informadas com as informações mais recentes.

Recentemente, a Google ajudou os restaurantes na adaptação, permitindo-lhes acrescentarem atributos como “recolha móvel” e “entregas sem contacto” ao Google My Business. Reflexo da grande procura por entregas e recolhas, mais de três milhões de restaurantes, a nível global, adicionaram ou editaram, desde março, os atributos de jantar no seus perfis de negócio.

Este mês, também lançaram um selo de “recolha móvel” nos anúncios de inventário local, de forma a tornar esta informação mais clara para os utilizadores.

Os empresários podem destacar as publicações relativas à Covid-19 nos seus perfis de empresa, de forma a comunicar atualizações sobre o horário de funcionamento, precauções de segurança e stock. “Desde março, vimos mais de um milhão de empresas a partilhar publicações de Covid-19 com milhões de cliques nos websites dos empresários – todas as semanas e em todo o mundo – à medida que os consumidores procuram mais informações“, refere em comunicado.

Grow with Google

Como parte da iniciativa Grow with Google, a empresa partilha novas informações e recursos para ajudar as empresas a trabalhar de forma mais produtiva em casa. Durante o confinamento, observou-se um aumento de 300% nas pessoas que frequentam os cursos de formação online, pois procuram aprender novas competências, como marketing digital, comércio eletrónico e programação.

O Google Meet, o  produto premium de videoconferência, foi também tornado gratuito para todos, enquanto suporte adicional para as empresas se adaptarem a novas interações online.

Portuguese Mask

CTT aliam-se à Ivity e entregam máscaras 100% portuguesas

Philips será uma empresa “plastic-free”