in

Feira Marca Própria Continente é dedicada aos produtos nacionais

Entre 6 e 19 de agosto, as lojas Continente de todo o país vão receber mais uma feira totalmente dedicada a produtos de marca própria de origem nacional.

Lançada em 1991, a marca própria Continente é atualmente uma referência incontornável entre os consumidores portugueses, sendo disso prova o facto de, em 2018, 96% dos clientes Continente terem comprado pelos menos um destes produtos da insígnia.

Sob o lema “Há uma marca que marca todos os momentos da sua vida” e apostando desde o primeiro momento na diversidade, na inovação, na qualidade e no preço justo, a marca própria Continente tem vindo a alargar de forma sustentada a sua presença nas prateleiras das lojas de todo o país, contando hoje em dia com cerca de 4000 referências entre as mais variadas gamas.

Vai estar à disposição nas feiras dedicadas à Marca Própria Continente produtos de uma grande variedade de soluções e que respondem às diferentes necessidades reveladas pelos consumidores, de que se destaca, por exemplo, um dos campeões de vendas e que é totalmente produzido em Portugal, o Leite UHT Meio Gordo Continente – em 2018 foram vendidos 25 milhões de leite de origem totalmente nacional, enquanto os nove milhões de iogurtes de marca própria comercializados no mesmo ano foram produzidos com leite 100% português.

Com um espaço próprio destinado a receber esta feira, nas lojas Continente de todo o país, esta iniciativa vai oferecer aos clientes a possibilidade de encontrar centenas de produtos, em todas as categorias, com descontos e ofertas especiais.

Na feira Marca Própria vão estar à disposição desde os produtos da gama Continente Seleção, um conjunto de artigos diferenciadores e de elevada qualidade que conta com mais de 150 referências entre cafés, sobremesas, queijos e enchidos, até aos Continente Equilíbrio, uma variedade de produtos nutricionalmente mais equilibrados em que se incluem mais de 175 referências, de que se destaca, aliás, o atum ao natural, produzido em Portugal e que, em 2018, se venderam qualquer coisa como 24 milhões de unidades, ainda passando pelas mais de 20 referências Eco Continente e pelas mais de 90 referências Continente BIO.

Conforme faz questão de salientar Ana Alves, diretora comercial e de Marca Própria do Continente, “a aposta do Continente nas marcas próprias veio reforçar de forma inequívoca a nossa proposta de valor, nomeadamente através da oferta de uma gama distintiva, com especial destaque para a valorização dos produtores nacionais”, o que, acrescentou o responsável, “foi determinante para a atração e fidelização de clientes às nossas lojas”.

Insolvências mantêm tendência de baixa apesar de ligeiro aumento em julho

BGC crescem 3% em junho/julho